Quando o muito não é muito(2)

1 10 2008

Não haveria outro motivo para escrever dois posts no mesmo dia se não fosse o estrago mental causado pela máquina adiminstrativa no fim do mês, isso mesmo, a sensação continua, duas para ser mais exato, uma no estômago e outra na cabeça, as poucas horas dormidas me permitem divagar entre mais algumas palavras regadas ao mais baixo nível de poesia, mais um conto sobre o mal estar, mais um texto mal redigido.
O resultado de várias noites a base de junk food me deixaram com uma horrível sensação de ter lanchado e continuar insatisfeito como sugere o consumo de massa. Tenho a sensação de um buraco no estômago reforçado pelas lembrança do frango cru e um pedaço de bacon tão mal passado que acentua minha repugnância diante das gosturas saturadas.
Ah, o dia seguinte, the aftermath, o resumo da ópera… O amigo leitor pode estar imaginando que estou negando todas os benefícios que terei destes dias de auto destruição, não, não estou negando, como disse acima, ainda estou sob os efeitos das conseqüências destes dias.
Saiu sol? Choveu? Anoiteceu? Não ví meu dia nem minha noite, muito menos senti o gosto do travesseiro, meu mal humor da noite mal dormida fez-me sentir um cidadão ainda mais despresível diante do espelho, lutar contra a natureza humana é uma das coisas mais difícieis de quem não quer se chatear consigo mesmo.
Continuo enaltecendo os bons frutos que essa auto destruição temporária irá gerar, sempre: mudanças de hábitos, critérios mais rígidos diante de algumas situações, opiniões em voga e transformações. Se eu realmente não estiver motivado a isso todas as manhãs para que sair da cama? É… profundo mesmo!
Para finalizar,uma linha filosófica, de que devo-me aguarrar ao fio das transformações, na esperança de que minha mísera atitvidade contribui para a sociedade… quero dizer, mais ou menos, contribui solidamente com os acionistas que lucram vertiginosamente diante de minha miséria existencial e vida fugaz.
É assim… isso aí.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: